OIM lança apelo de US$ 84 milhões para ajudar Iêmen
BR

22 maio 2015

Agência diz que dinheiro será usado para prestar assistência às pessoas afetadas pelo conflito; Alto Comissariado da ONU de Direitos Humanos afirmou que mais de mil pessoas já morreram no país por causa da violência.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Internacional para Migrações, OIM, fez um apelo esta sexta-feira de US$ 84 milhões para ajudar as pessoas atingidas pelo conflito no Iêmen.

O dinheiro, equivalente a R$ 253 milhões, vai ser usado para atender as necessidades da população dentro do território iemenita e nos países vizinhos.

Mortos e Feridos

O conflito já afeta 20 das 22 províncias do Iêmen. Segundo o Alto Comissariado da ONU de Direitos Humanos, pelo menos 1.037 civis foram mortos, incluindo 130 mulheres e 234 crianças, entre 26 de março e 20 de maio. O número de feridos chega a quase 2,5 mil.

O Escritório de Direitos Humanos disse ainda que durante esse mesmo período houve uma destruição maciça da infraestrutura do país, principalmente nas cidades de Áden e Sanaa, a capital.

Nos últimos dois meses, a violência e a emergência humanitária forçaram a fuga de mais de 20 mil pessoas do Iêmen para a região do chamado “chifre da África”.

Além de iemenitas, estão incluídos neste grupo refugiados da Somália e trabalhadores migrantes de outros países que estavam no Iêmen.

Djibuti e Somália

Durante os cinco dias da pausa humanitária na região, entre 12 e 17 deste mês, centenas de pessoas deixaram o país de barco em direção a Djibuti e Somália.

Desde março, 13 mil pessoas fugiram para Djibuti pela proximidade geográfica com o Iêmen. Na Somália, o número de migrantes e refugiados vindos do Iêmen passa de sete mil.

A porta-voz do Alto Comissariado de Direitos Humanos pediu a todos os lados envolvidos no conflito que participem, de boa-fé, das consultas que estão sendo realizadas em Genebra para solucionar a crise.

Leia Mais:

Consultas sobre processo político no Iêmen serão retomadas na próxima semana

PMA: trégua no Iêmen insuficiente para levar assistência a todos que precisam

Enviado quer foco em sinais de apoio de extremistas do Iémen a milícias somalis

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud