Organização Mundial da Saúde notificada de caso de ebola na Itália
BR

13 maio 2015

Este é a primeira vez que o vírus é confirmado em solo italiano; paciente é trabalhador de saúde que atuava como voluntário em um centro de tratamento em Serra Leoa.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Mundial da Saúde recebeu na terça-feira uma notificação de um caso de ebola na Itália.

Este é a primeira vez que o vírus é detectado em solo italiano e foi confirmado em laboratório.

Voluntário

O paciente é um trabalhador de saúde que retornou de Serra Leoa, onde atuava como voluntário em um centro de tratamento de ebola.

Sua chegada havia sido comunicada ao Ministério da Saúde, de acordo com procedimentos em vigor desde outubro de 2014 para pessoas vindas de países afetados pelo ebola na África Ocidental.

No dia 10 de maio, 72 horas após o retorno à Itália, o paciente desenvolveu sintomas da doença. Autoisolado em casa, ele foi transportado, no dia seguinte, para o hospital de Sassari, na Sardenha. Testes confirmaram a doença.

Precauções

O paciente foi transferido para Roma, em aeronave especialmente equipada da Força Aérea Italiana, para garantir precauções contra contaminação.

Como o início dos sintomas ocorreu 72 horas após o último voo, o rastreamento de contatos de passageiros não foi considerado necessário.

Trabalhadores de saúde do hospital em Sassari, que examinaram o paciente, estavam equipados com material de proteção pessoal, e estão sob vigilância, assim como pessoas próximas à pessoa infectada.

Informações adicionais estarão disponíveis nos relatórios da OMS sobre ebola que fornecem atualizações regulares sobre a resposta da agência à doença.

Leia Mais:

OMS diz que meta agora é criar estratégia única para combater epidemias

OMS declara Libéria livre de novas transmissões do vírus ebola

Na ONU, ex-chanceler brasileiro fala da relação entre pobreza e epidemias

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud