Entrevista: vulnerabilidade feminina e HIV em Moçambique

30 março 2015

O Conselho Nacional de Combate ao Sida em Moçambique vai priorizar as meninas no plano de resposta ao HIV/Sida nos próximos anos a ser apresentado ao governo. Meninas entre os 15 e 24 anos têm maior prevalência em relação aos rapazes.

Diogo Milagre é o vice-secretário executivo da instituição e falou à Rádio ONU sobre o impacto da epidemia nos órfãos e nas mulheres.

O uso das redes sociais para tornar a resposta mais efetiva também é abordado nesta conversa com Eleutério Guevane.

Tempo total: 8’07”

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud