Entrevista: Guiné-Bissau quer ideias de lusófonos sobre autonomia feminina

10 março 2015

A ministra da Mulher, Família e Coesão Social da Guiné-Bissau revela a intenção de estabelecer contactos com países lusófonos na sede da ONU para reforçar a parceria com vista ao empoderamento da mulher no país.

Bilony Nhama Nantambanhasse foi entrevistada pela Rádio ONU, em Nova Iorque, à margem da 59ª. Sessão da Comissão sobre o Estatuto da Mulher, CSW.

Na conversa, a ministra aborda a mesa redonda de Bruxelas a decorrer no fim deste mês. Do evento, a expectativa é que sejam feitos compromissos internacionais para apoiar os grupos guineenses mais vulneráveis.

Acompanhe a entrevista a Eleutério Guevane.

Tempo total: 04'23"

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud