Entrevista: Conferência sobre Desarmamento

3 fevereiro 2015

A Rádio ONU conversou com o ex-alto representante para Assuntos de Desarmamento das Nações Unidas, Sérgio Duarte. Ele deixou o posto no início de 2012, quando foi substituído pela atual subsecretária-geral da área, Angela Kane.

Atualmente, Duarte coopera com uma organização não-governamental sobre desarmamento na América Latina. De passagem por Nova York, ele falou sobre os desafios para o avanço de um acordo multilateral sobre desarmamento. Mas de acordo com o especialista, a ONU têm feito um “bom trabalho” para avançar com as conversações. Ele citou o compromisso pessoal que o atual secretário-geral, Ban Ki-moon, tem feito para convencer os países detentores de arsenais a eliminarem todas as armas nucleares do mundo.

Redução

O ex-alto representante lembrou ainda a decisão dos Estados Unidos e da Rússia de reduzir seus arsenais nucleares e o clima de otimismo, gerado na época pelo anúncio. “A gente tem de pensar que desde o auge da Guerra Fria, as duas potências potências tinham uma estimativa de 65 mil a 70 mil armas nucleares. Hoje, este número é estimado em cerca de 16, 17 mil. Então houve uma redução ao longo do tempo, não por acordo. As armas foram ficando obsoletas, o clima foi se distendendo. Então houve uma redução normal, digamos, paulatina.”

Sérgio Duarte lembrou ainda do otimismo na comunidade internacional quando Estados Unidos e Rússia assinaram o acordo “New Start” em 2010, que entrou em vigor em 5 de fevereiro de 2011. “Naquela época, estimava-se em 25 mil, 30 mil, o número de armas em poder dos dois. Hoje, se estima entre 16, 17 mil, então eles vieram destruindo.” O embaixador aposentado lembrou que isso ocorreu graças a um acordo bilateral.

Para o ex-alto representante, a comunidade internacional deve continuar insistindo numa solução multilateral que leve ao desarmamento, e o papel das Nações Unidas tem sido vital na construção deste caminho, afirma Duarte.

Acompanhe a conversa com Mônica Villela Grayley.

Duração: 13’08”

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud