Reino Unido contribui com £7 milhões para Fundo Humanitário do Sudão

30 janeiro 2015

Contribuição é para 2015; nação continua a maior doadora para o órgão e é a primeira a anunciar apoios para este ano.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Departamento de Desenvolvimento Internacional do Reino Unido contribuiu com £7 milhões para o Fundo Humanitário Comum do Sudão, CHF, para 2015. O valor equivale a cerca de US$ 10,9 milhões.

De acordo com o Escritório da ONU para Assistência Humanitária, Ocha, a nação continua a maior doadora ao Fundo, ao contribuir com mais de £300 milhões, ou cerca de US$ 525 milhões, desde 2006.

Crianças

O financiamento do Reino Unido ao CHF em 2014 garantiu o tratamento de mais de 35 mil crianças para subnutrição. Cerca de 91,5 mil deslocados internos receberam suprimentos agrícolas.

Segundo o Ocha, devido à disponibilidade limitada de financiamento, por causa de outras crises humanitárias na região, a contribuição britânica é vital para garantir a continuidade de projetos que salvam vidas.

O Reino Unido é o primeiro doador a apoiar o CHF este ano.

Ajuda Humanitária

De acordo com o Ocha, a comunidade humanitária no Sudão vai continuar a garantir que as pessoas recebam assistência e proteção imediatas.

Com o conflito e a instabilidade a impedir que milhões de pessoas voltem para suas casas, agências humanitárias estão a trabalhar para desenvolver ações mais sustentáveis que coloquem os interessem das comunidades afectadas no centro de seu trabalho.

Fundo Humanitário Comum do Sudão conta com diversos doadores para apoiar a alocação de recursos para necessidades humanitárias mais críticas do país.

Até o momento, o CHF do Sudão recebeu e concedeu mais de US$ 1 mil milhão para ONGs nacionais e internacionais, agências da ONU, fundos e programas, permitindo a implementação de projetos que salvam vidas. Em 2014, o fundo alocou US$ 54,8 milhões.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud