Próxima ronda de diálogo político sobre a Líbia pode acontecer no país

29 janeiro 2015

Últimos encontros foram realizados em Genebra; a Missão da ONU na nação africana pede a todos os envolvidos que participem das negociações com “espírito aberto e construtivo”;  país está em conflito desde 2011.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

As partes do conflito líbio concordaram que, em princípio, as futuras sessões do diálogo político em curso sejam realizadas no país norte-africano desde que haja condições logísticas e de segurança.

A conclusão dos participantes segue-se às reuniões desta semana, em Genebra, como parte do processo mediado pelas Nações Unidas.

Espírito Aberto

A Missão da ONU na Líbia, Unsmil, pede a todos os envolvidos que participem das negociações com “espírito aberto e construtivo”.

Em nota, a Unsmil declara que os participantes expressaram preocupação com as condições de segurança em diferentes áreas. Eles condenaram, em particular, o ataque recente em Trípoli, que ocorreu enquanto estavam reunidos no Escritório das Nações Unidas em Genebra.

Esperança

Ao mesmo tempo, os participantes enfatizaram que as conversas representam um momento de esperança e reconciliação para os líbios. Estas representariam também uma oportunidade, que não deve ser perdida, de resolver a crise política e de segurança do país.

A Unsmil vai começar consultas com os envolvidos sobre o local para o diálogo politico.

A Líbia está em conflito desde o início da sua guerra civil em  2011, que culminou com a queda do antigo líder, Muammar Kadafi.

Leia mais:

Conselho de Segurança pede maior envolvimento no diálogo líbio após ataque

Nova ronda de negociações sobre a crise política na Líbia começa esta 2ª feira

Unsmil quer investigação de ataque às instalações do Banco Central da Líbia

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud