Entrevista: Conselho de Segurança quer manter nível atual de tropas no Haiti

26 janeiro 2015

Poucas horas depois de regressar do Haiti, o embaixador de Angola junto às Nações Unidas, Ismael Martins, disse que as forças de paz da organização não deverão ser reduzidas até às eleições.

Trata-se da primeira constatação de representantes do Conselho de Segurança que este fim de semana visitaram o país. Os 15 Estados-membros do órgão devem abordar os apoios a serem dados para realizar as eleições marcadas para este ano no país.

O apoio do Brasil ao contingente de manutenção de paz e "os exemplos certos a serem passados pelos militares brasileiros  ao Haiti” são abordados nesta conversa.

O diplomata fala ainda da formação de forças de segurança, da necessidade de um consenso para a que o pleito seja realizado e do encontro com o presidente e membros do Governo e da recém-nomeada Comissão de Eleições.

Acompanhe a conversa com Eleutério Guevane da Rádio ONU.

Tempo total: 07'52"

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud