Brasil eleito para Comitê Consultivo da Unrwa
BR

9 dezembro 2014

País é a primeira nação latino-americana a integrar este órgão da agência da ONU para palestinos; eleição na Assembleia Geral também admitiu os Emirados Árabes Unidos.

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.* 

O Brasil foi eleito pela Assembleia Geral para integrar o Comitê Consultivo da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa.

Os Emirados Árabes Unidos também foram admitidos ao órgão que aconselha a agência sobre suas principais decisões estratégicas.

Conselho

O Brasil é o primeiro país latino-americano a ter um assento no Comitê Consultivo. Segundo a Unrwa, isto marca a relação que vem crescendo de forma “notável” nos últimos cinco anos.

A agência afirmou que este apoio culminou em 2014 com uma doação de arroz para refugiados vulneráveis e em situação de insegurança alimentar. O valor da ajuda chega a US$ 9,2 milhões, o equivalente a cerca de R$ 23,8 milhões.

Entre 2012 e 2013, o Brasil também contribuiu com US$ 8 milhões para agência da ONU. Este valor equivale atualmente a cerca de R$ 20,7 milhões.

O comissário-geral da Unrwa, Pierre Krähenbühl, afirmou que “tanto o Brasil como os Emirados Árabes Unidos são parceiros exemplares, fornecendo um grande apoio às operações da agência”.

A Comissão Consultiva, atualmente presidida pela Suécia, agora conta com 27 membros e três observadores.

*Apresentação: Edgard Júnior.