Diretora-geral da OMS critica a falta de uma vacina contra o ebola

5 novembro 2014

A chefe da Organização Mundial da Saúde, Margaret Chan, criticou a falta de uma vacina contra o ebola numa reunião da Comissão Regional para África, realizada nesta segunda-feira em Cotonou, em Benim.

Chan disse que a doença surgiu há quase 40 anos e até agora não existe cura. Ela explicou que "é porque o vírus está confinado a países pobres da África".

A chefe da OMS afirmou que "uma indústria motivada pelo lucro não investe em produtos para mercados que não podem pagar".

Segundo ela, os incentivos para pesquisa e desenvolvimento de remédios é praticamente inexistente.

Confira a reportagem de Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York, para o Jornal da Globo News.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud