Devido ao ébola, crianças estão a ter aulas pelas ondas do rádio em Serra Leoa

27 outubro 2014

As escolas do país estão fechadas como resultado do surto; projeto do Ministério da Educação, Ciência e Tecnologia tem o apoio do Fundo da ONU para a Infância, Unicef.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Para as crianças de Serra Leoa, os ensinamentos sobre matemática estão agora a chegar pelas ondas do rádio.

A voz do professor pede aos alunos que multipliquem os números e peguem nos livros e nas canetas para a próxima lição. As escolas na Serra Leoa estão fechadas devido ao surto de ébola.

Milhões de Alunos

A solução encontrada pelo Ministério da Educação, Ciência e Tecnologia foi lançar em 41 estações de rádio um programa de educação, projeto que tem o apoio do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef.

Segundo o representante da agência na Serra Leoa, Uche Ezirim, as aulas pelo rádio devem alcançar 1,7 milhões de crianças que estão fora das salas de aula. Além de matemática, são apresentados programas sobre estudos sociais, inglês, ciências e educação física.

Escolaridade

As lições incluem ainda dicas sobre higiene das mãos, com informações básicas sobre o ébola. Alunos do ensino secundário também estão incluídos no projeto, com programas transmitidos durante a tarde, quatro vezes por semana.

O Unicef destaca que a medida é positiva, num país em que mais de 70% dos meninos e das meninas estudam, mas com menor adesão no ensino secundário, onde 40% dos rapazes e 33% das raparigas frequentam a escola.

*Apresentação: Denise Costa.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud