ONU parabeniza Malala e Kailash Satyarthi pelo Prêmio Nobel de Paz
BR

10 outubro 2014

Em nota, secretário-geral chamou Malala de “professora global” e lembrou que ativista é “filha das Nações Unidas”; segundo Ban Ki-moon, indiano tem estado na linha de frente do movimento por justiça para milhões de crianças.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas emitiram uma nota parabenizando a estudante paquistanesa Malala Yousafzai e o ativista indiano Kailash Satyarthi por vencerem o Prêmio Nobel da Paz.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon disse que a distinção foi dada, este ano, a dois grandes campeões dos direitos das crianças. Ban afirmou que Malala, pela sua coragem de defender o direito à educação, acabou tornando-se uma “professora global”.

Terroristas

Ele lembrou as palavras de Malala em seu primeiro discurso na ONU quando afirmou que “uma caneta podia mudar o mundo”, ao se referir ao poder da educação.

Segundo Ban, a estudante do Paquistão mostrou aos terroristas o que eles mais temiam: uma menina com um livro na mão.

O chefe da ONU lembrou que Malala é filha da organização. Ela participou dos 500 dias da contagem regressiva para o cumprimento das Metas do Milênio, em Nova York, durante uma cerimônia no Unicef.

Ban prometeu o empenho da ONU em continuar apoiando Malala contra o extremismo e a favor de qualquer menina de viver sem violência e de gozar do direito à educação.

Sacrifício

Ao mencionar o outro ganhador deste ano do Nobel da Paz, o ativista indiano Kailash Satyarthi, Ban destacou o trabalho dele à frente de um movimento mundial por justiça, educação global e por melhorar a vida de milhões de crianças que estão presas ao trabalho infantil.

Segundo o chefe da ONU, Satyarthi tem feito um sacrifício pessoal há várias décadas para chamar a atenção do público para os direitos das crianças, além de tentar mobilizar líderes e a sociedade para a mesma causa.

Os dois ganhadores do Nobel da Paz também receberam cumprimentos da Unesco e do Unicef.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud