Ban afirma que “líderes devem colocar o mundo num novo rumo”
BR

23 setembro 2014

Na abertura da Cimeira do Clima, secretário-geral disse que mudança climática ameaça a paz e a prosperidade; ele pediu aos governos que se comprometam a um acordo universal sobre o assunto em 2015.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que “hoje todos devem colocar o mundo num novo rumo”.

Na abertura da Cimeira do Clima, Ban disse que “a mudança climática ameaça a paz, a prosperidade e as oportunidades para bilhões de pessoas.”

Acordo Universal

O chefe da ONU pediu a todos os governos que se comprometam a um acordo universal sobre o clima em Paris, em 2015. Ele quer também que os líderes mundiais cumpram com sua parte para limitar o aumento da temperatura global em menos de 2º C.

Ban disse que os sonhos de pessoas no mundo inteiro estão na balança e que a mudança climática é a questão fundamental na era atual.

O secretário-geral explicou que a resposta da comunidade internacional agora para combater o problema irá definir o futuro.

Colaboração

Ele declarou que para isso, é necessária a colaboração de todos e uma clara visão sobre o que deve ser feito.

Ban declarou que o custo humano, ambiental e financeiro da mudança climática está se tornando insuportável rapidamente.

Segundo ele, o caminho será um futuro com baixa emissão de carbono, mais limpo, mais saudável e mais justo, não para alguns mas para todos.

Ban afirmou que “só existe uma coisa no caminho:  Nós”

O chefe da ONU disse que os países devem cortar as emissões dos gases que causam o efeito estufa e que no final deste século, o mundo deve atingir o nível de neutralidade em relação ao carbono.

Isso quer dizer que as emissões de dióxido de carbono não poderão ser maiores do que a capacidade do planeta de absorvê-las.

Investimento

O secretário-geral quer que haja um investimento em sociedades resilientes ao clima, que protejam todos os habitantes, especialmente os mais vulneráveis.

Para isso, é necessário que todos trabalhem juntos. Ele falou sobre a importância de se capitalizar o Fundo Verde do Clima e cumprir a promessa de US$ 100 bilhões por ano feita em Copenhague, na Dinamarca.

Ban citou a Marcha do Clima, durante o fim de semana em Nova York dizendo que milhares de pessoas no mundo inteiro estão pedindo ação de seus líderes.

Segundo o chefe da ONU, é por este motivo que eles estão nas Nações Unidas. Ban afirmou que “os chefes de Estado não estão ali para conversar mas sim para fazer história”.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud