Durante cessar-fogo, agências conseguem fornecer ajuda para palestinos
BR

15 agosto 2014

ONU acredita que segurança dentro da Faixa de Gaza irá melhorar a entrega de itens de emergência; mais de 340 bebês nasceram nas escolas da Unrwa durante os conflitos e as mães agora recebem kits maternidade.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Agências humanitárias elogiaram a extensão do cessar-fogo em Gaza, que começou a valer esta quinta-feira e terá a duração de cinco dias. Segundo o porta-voz do secretário-geral, a medida vai permitir operações de resgate e reparos nas redes de água, eletricidade e saneamento.

Outro trabalho é remover munições que não explodiram e fazer consertos em escolas que sofreram danos no conflito. Segundo as agências da ONU, o transporte seguro dentro da Faixa de Gaza durante o cessar-fogo irá melhorar a entrega de suprimentos que os civis precisam com urgência.

Nascimentos

A Agência de Assistência a Refugiados Palestinos, Unrwa, começou a entregar kits de maternidade a mulheres que deram à luz durante os confrontos recentes, iniciados em julho.

Essas mães estão desalojadas em várias áreas da Faixa de Gaza. Nas escolas da Unrwa que estão abrigando palestinos, nasceram 344 bebês, a maioria meninos.

Os kits contêm itens essenciais para ajudar nos cuidados com os recém-nascidos, enquanto as famílias estão abrigadas em moradias temporárias.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud