PMA recebe US$ 180 milhões para combater fome no Sudão do Sul

14 agosto 2014

Agência da ONU recebeu doação dos Estados Unidos; dinheiro será usado para cobrir gastos com a entrega de alimentos em regiões isoladas do país.

Edgard Júnior, da Radio ONU em Nova Iorque.

O Programa Mundial de Alimentação da ONU, PMA, recebeu US$ 180 milhões para ajudar a combater a fome no Sudão do Sul.

A doação foi feita pelos Estados Unidos e o dinheiro será usado para cobrir os gastos com a entrega de comida em áreas remotas, isoladas pelos conflitos ou pelas precipitações.

Condições Difíceis

Devido a estradas intransitáveis, o PMA está a realizar entregas aéreas para levar alimentos às pessoas mais necessitadas.

Nos últimos quatro meses, helicópteros e aviões especiais fizeram mais de mil voos para levar comida a mais de 600 mil pessoas.

A diretora-executiva do PMA, Ertharin Cousin, disse que os deslocados pelo conflito no Sudão do Sul estão a viver em condições extremamente difíceis.

Cousin afirmou que o PMA, o Fundo da ONU para a Infância, Unicef, e toda a comunidade humanitária estão a trabalhar juntos para fornecer comida e assistência aos sul-sudaneses.

Em junho, a agência da ONU conseguiu levar alimentos a 1,4 milhão de pessoas no país.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud