Nações Unidas elogiam início das conversações sobre o Mali na Argélia

18 julho 2014

Representante do secretário-geral, Bert Koenders, apela ao compromisso das autoridades malianas a favor do diálogo e da paz; enviado destaca importância das preocupações de toda a população.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque. 

O representante especial do secretário-geral para o Mali elogiou o início das conversações entre autoridades do país, que decorrem na Argélia. Na quinta-feira, Bert Koenders destacou que o objetivo é iniciar uma negociação com vista ao alcance de um acordo global de paz.

Koenders faz um apelo às partes malianas, pelo compromisso com o diálogo e com a paz. O enviado acrescentou que é necessário deixar de lado qualquer interesse individual e levar em consideração as preocupações de toda a população.

Cessar-Fogo

Foi pedido ainda à comunidade internacional que apoie o processo atual de conversações, que estão a ser mediadas pelo governo da Argélia. Segundo agências de notícias, o compromisso é pelo fim da violência no norte do Mali.

O comunidado de Bert Koenders observa ainda que a segurança no terreno continua a ser uma preocupação, e pede que o cessar-fogo de 23 de maio seja respeitado. O acordo foi firmado entre autoridades malianas e separatistas.

O total de deslocados internos no norte do Mali chegou a ser de 4 mil pessoas no mês de maio, de acordo com o Escritório da ONU para Coordenação de Assuntos Humanitários, Ocha. Os conflitos são entre forças do governo e rebeldes.

A início do mês de julho, o Conselho de Segurança condenou “nos termos mais fortes” a explosão de um engenho improvisado que matou um soldado de paz da Missão das Nações Unidas no Mali, Minusma.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud