Unfpa celebra “bons resultados” do censo da população em Angola

11 julho 2014

Representante da agência realça o apoio dado à iniciativa; projetos implementados estimulam o combate à pobreza com programas ligados à saúde reprodutiva e à igualdade de género.

Alberto de Jesus, de Luanda para a Rádio ONU.*

A Representante do Fundo das Nações Unidas para a População em Angola, Kourtoum Nacro, disse que no país a agência tem direcionado os seus projetos combate à pobreza através de programas ligados à saúde reprodutiva e à igualdade de género.

Ela falava no âmbito do Dia Mundial da População, assinalado neste 11 de julho, que este ano tem como foco o investimento nos jovens.

Igualdade

“O trabalho do Unfpa é direcionado a reduzir a pobreza, ao assegurar que todas as pessoas têm uma boa saúde reprodutiva e também trabalhamos na área de igualdade do género para ajudar a reduzir a pobreza.

A representante esclareceu que no quadro da parceria com o governo alguns projetos tês sido bem-sucedidos sublinhando o censo Geral da População.

Censo

“O mais recente dos nossos projetos, que tem dado bons resultados, é o Censo Geral da População e Habitação. É o Unfpa que contribui trabalhando com o governo para realizar esse censo, incluindo a formação de quadros do (Instituto Nacional de Estatísticas) INE para a importante atividade que terminou bem”, realçou

Quanto ao crescimento demográfico, Nacro, apoiando-se nas projeções das Nações Unidas sublinha que até 2050 a população mundial vai ultrapassar os 9 mil milhões. No caso particular de Angola, o país tem 19 milhões de habitantes.

*Com reportagem da Rádio Nacional de Angola

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud