Jovens moçambicanos querem investimento nas suas capacidades

11 julho 2014

No Dia Mundial da População, assinalado este 11 de julho atividades centrais estão agendadas para a província de Nampula, a mais populosa do país.

Ouri Pota, da Rádio ONU em Maputo.

Jovens entrevistados pela Rádio da ONU em Maputo, consideram pertinente o investimento no grupo por defenderem que a medida poderá ajudar no desenvolvimento da economia moçambicana.

A conversa foi com Jorge Fogueira, estudante do curso de ciências políticas, Santos Daniel, estudante de informática na Universidade Eduardo Mondlane e Lázaro Bamo, especialista em comunicação social no Centro de Apoio à Informação e Comunicação Comunitária, Caicc. 

Formação

“Os jovens estão numa fase determinação e decisão sobre o seu futuro e a posicionar-se melhor dentro da sociedade. Acima de tudo é preciso que os jovens sejam determinados, é preciso apostar na formação, aliar a formação a prática. Santos Daniel, é através dos jovens que o país possa desenvolver a nível estratégico. Jorge Fogueira: Para mim acho que há necessidade de facto de se fazer um investimento, mas se formos de concreto no nosso pais, não o que se faz, é o que se diz que se faz.”

Para a responsável do Fundo da ONU para a População, Unfpa, na data deve haver uma reflexão sobre as políticas da juventude e da população.

Política da Juventude

“Precisa-se de um investimento muito forte tanto na educação, na saúde, na criação de emprego para os jovens poderem alcançar o seu potencial. Então, é um momento de reflexão sobre a implementação da política da juventude assim como da população”

Este ano, a o dia é assinalado sob lema “Investindo nos jovens.” Em Moçambique, o lema foi desdobrado para Investir nos Jovens são Construir um Capital Humano Produtivo.

A data instituída pelas Nações Unidas, visa promover reflexões sobre questões relacionadas com a população e o desenvolvimento.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud