OMS faz reunião de emergência para discutir ação contra surto de ebola

OMS faz reunião de emergência para discutir ação contra surto de ebola

A Organização Mundial da Saúde, OMS, está à frente do encontro de dois dias que reúne ministros da Saúde e outros responsáveis pela prevenção e controle do ebola na África Ocidental.

Até o fim de junho, a região registrou 759 casos da doença com 467 mortes. A Guiné Conacri, que faz fronteira com a Guiné-Bissau, é o mais afetado pelo surto, com 303 mortes. O país é seguido pela Libéria e pela Serra Leoa.

Mais informações com Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York, para o Jornal da Globo News.