Testemunho: do consumo ao controlo do fumo

31 maio 2014

A presidente da Aliança de Controle do Tabagismo do Brasil, ACT, conta que ao deixar de fumar há uma década trocou de vícios num processo que “não teve só o Dia D”.

Falando à Rádio ONU, de São Paulo, Paula Johns disse que a indústria continua a contornar as restrições da publicidade. Neste 31 de maio celebra-se o Dia Mundial Sem Tabaco.

Na conversa, a líder da entidade de mais de 800 membros fala da cooperação com países incluindo o lusófono Moçambique, além do que considera medidas eficientes para reduzir o consumo global do fumo.

Acompanhe a entrevista a Eleutério Guevane.

Tempo total: 10'17"