Entrevista: José Ramos Horta

19 maio 2014

O representante do secretário-geral da ONU para a Guiné Bissau afirmou que o segundo turno das eleições presidenciais transcorreu sem problemas neste domingo.

De Bissau, a capital do país, em entrevista à Rádio ONU, o ex-presidente do Timor Leste e prêmio Nobel da Paz afirmou que o comparecimento dos eleitores foi um pouco menor do que na primeira fase, no mês passado.

Ramos Horta disse que ficou muito satisfeito com o processo eleitoral guineense e que, até agora, enquanto está sendo feita a contagem dos votos, não houve qualquer incidente.

O prêmio Nobel da Paz e ex-presidente de Timor-Leste falou ainda sobre a expectativa do próximo presidente da Guiné-Bissau para lidar com as divergências internas.

Segundo ele, é importante que o líder eleito seja um homem prudente, sensato, com experiência e que possa fazer a gestão correta de todas essas forças diferentes ou facções que existem no seu partido para que possa governar.

Escute a entrevista com Edgard Júnior.

Duração: 6’35”

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud