Ban diz que ação militar na Ucrânia deve ser evitada a todo custo
BR

24 abril 2014

Secretário-Geral fala sobre possibilidade de perda de controle da situação e pede fim imediato da violência; segundo agências de notícias, Rússia estaria realizando exercícios militares na fronteira com Ucrânia. 

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU está bastante preocupado com a continuação da violência no leste da Ucrânia. A declaração foi feita pelo vice-porta-voz de Ban, Farhan Haq, ao ser perguntando por um jornalista, nesta quinta-feira.

O porta-voz cita que a violência “causa perda de vidas, instabilidade e contribui para um clima de medo e de ansiedade”. Ban Ki-moon está também muito preocupado com a possibilidade da situação perder o controle, com consequências imprevisíveis.

Compromisso

O chefe da ONU destaca, nos termos mais fortes, a necessidade de todos os lados honrarem os compromissos firmados na Declaração de Genebra.

Ban afirma que “ação militar deve ser evitada a todo custo” e pede fim imediato da violência, intimidação ou provocações.

Agências de notícias informaram que a Rússia estaria realizando novos exercícios militares na fronteira com a Ucrânia.

O ministro da Defesa russo afirmou que seu país foi “obrigado a reagir” após forças ucranianas terem seguido para Slaviansk, no leste da Ucrânia. Conflitos no local teriam deixado pelo menos cinco mortos esta quinta-feira.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud