Olympique de Marselha doa US$ 15 mil para crianças centro-africanas

27 março 2014

Programa Mundial de Alimentação promete usar o montante para evitar a desnutrição em menores deslocados e reforçar merenda escolar; agência quer mais apoios da comunidade de futebol.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O clube francês de futebol Olympique de Marselha doou US$ 15 mil para apoiar programas de alimentação em escolas da República Centro-Africana.

A quantia foi entregue ao Programa Mundial de Alimentação, PMA, que revelou que este será aplicado para prevenir a desnutrição em menores forçados a deixar as suas casas devido à violência. O foco será para a merenda escolar das crianças.

Partilha

O presidente da coletividade, Vincent Labrune, apontou valores como a solidariedade, a ajuda mútua e a partilha ao realçar que era “justo aliar forças com a agência da ONU para combater a fome no mundo.”

Este ano, o PMA disse ter fornecido alimentos a mais de 250 mil pessoas por mês no país, apesar dos desafios logísticos e de segurança.

Grupos Armados

Estimativas da ONU apontam para mais de 700 mil deslocados internos devido às atrocidades, que desde dezembro envolvem os grupos armados anti-Balaka de maioria cristã, e os antigos Séléka, compostos por muçulmanos.

Nesta quarta-feira, o Escritório de Assistência Humanitária no país anunciou a extensão do período de emergência, por mais seis meses, após a previsão de complicações na situação nos próximos meses.

Chuvas

A diretora executiva do PMA,  pediu ação antes que as chuvas agravem a situação considerada trágica. Na semana passada, Ertharin Cousin, visitou o país.

A agência destaca que a doação do Olympique de Marselha é a primeira da indústria privada francesa para o país africano, no que considera parceria preciosa na luta contra a fome que deve criar mais seguidores na comunidade futebolística.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud