Conselho de Segurança condena atentado terrorista no Iêmen
BR

26 março 2014

Presidente do grupo afirmou que todas as ações terroristas são criminosas; Sylvie Lucas pediu aos Estados-membros que ajudem governo iemenita a levar os responsáveis à justiça.

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Conselho de Segurança da ONU condenou de forma veemente o atentado terrorista que deixou 20 soldados mortos em Hadramawt, no Iêmen.

A presidente do órgão, a embaixadora de Luxemburgo Sylvie Lucas, afirmou que todos os atos terroristas são criminosos. Ela pediu aos Estados-membros que cooperem com o governo iemenita para levar os responsáveis à justiça.

Pêsames

Lucas disse que os 15 integrantes do Conselho enviaram pêsames às famílias das vítimas e desejaram a rápida recuperação dos feridos no ataque que ocorreu nesta segunda-feira.

O Conselho de Segurança reafirmou que o terrorismo em todas as suas formas e manifestações, representa a maior ameaça à paz e à segurança internacionais.

Ainda segundo o órgão da ONU, as ações terroristas são injustificáveis independentes de sua motivação.

A presidente do Conselho de Segurança disse ainda que os Estados-membros devem garantir que as medidas usadas para combater o terrorismo devem cumprir com as obrigações da lei internacional.

Lucas afirmou que as operações devem particularmente respeitar as leis humanitárias e de direitos humanos.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud