Visitas entre famílias do Saara Ocidental serão retomadas em abril

12 março 2014

Alto comissário para Refugiados, António Guterres, celebra acordo após “intensas negociações”; programa apoiado pelo governo português inclui Marrocos, Frente Polisário, Argélia e Mauritânia.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

O Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, anunciou esta quarta-feira que serão retomadas as visitas entre famílias do Saara Ocidental. A primeira vaga de voos está agendada para 17 de abril e inclui quatro voos que tinham sido suspensos em agosto do último ano.

O Acnur está no processo de submeter uma lista dos interessados e as viagens serão agendadas até o final deste ano. O alto comissário António Guterres celebrou a retomada das visitas, “após intensas negociações”.

Seminários

Guterres disse que as famílias separadas terão a oportunidade do reencontro, o que é “vital”, já que as visitas “aumentam a confiança e o entendimento sobre uma das situações de refugiados mais longas do mundo”.

O chefe do Acnur pede compromisso de todos os envolvidos no processo e afirma que a agência está sempre pronta a prestar apoio. O programa para o Saara Ocidental inclui seminários, visitas familiares e encontros em Genebra.

Argélia e Mauritânia

Participam os dois lados envolvidos, o Marrocos e a Frente Polisário, e dois países vizinhos, Argélia e Mauritânia. Desde que o programa começou, em 2004, quase 20 mil pessoas realizaram as visitas familiares.

Os seminários são apoiados pelo governo de Portugal e o próximo será nos Açores, no domingo. A outra reunião ocorre em Genebra, em junho.

O Acnur explica que muitas pessoas do Saara Ocidental estão separadas das suas famílias por quase quatro décadas. A falta de uma solução política impede o retorno às cidades de origem. Os refugiados começaram a chegar na Argélia em 1975, após a saída da Espanha dos territórios do Saara Ocidental.

*Apresentação: Denise Costa.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud