Cientistas da ONU fazem expedição a vulcão na RD Congo

27 fevereiro 2014

Helicóptero aterrou em Nyamuragira, um dos vulcões mais ativos em África; equipa da Monusco procura saber quais são as probabilidades de erupção e o volume de magma que poderia subir para a superfície.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Um helicóptero da Missão da ONU na República Democrática do Congo, Monusco, aterrou recentemente no topo do vulcão Nyamuragira, um dos mais ativos de África.

A expedição revela uma faceta diferente do trabalho da missão de paz. Com a meta de proteger os civis congoleses, a equipa de cientistas foi entender se está a ocorrer o aumento do volume de magma na superfície do vulcão.

Desastre Natural

Além disso, o grupo pretende avaliar as probabilidades da sua erupção. Os cientistas também foram para o Monte Nyiragongo que juntamente com Nyamuragira é responsável pela maioria das erupções vulcânicas no continente.

O cientista que lídera o estudo, Dario Tedesco, afirmou que caso os dois vulcões entrassem em erupção ao mesmo tempo, o mundo poderia ver um dos desastres naturais mais dramáticos da história recente.

Gás Letal

Os cientistas estão preocupados com os perigos para a cidade de Goma e para o Lago Kivu, que concentra dióxido de carbono e metano. Caso Nyamuragira entre em erupção, existe a possibilidade de surgir uma nuvem de gás letal na área.

A Monusco trabalha com as autoridades locais para criar um plano de contigência, para a eventualidade de a área precisar de ser rapidamente evacuada. Em 2002, a erupção de Nyiragongo destruiu 14 mil casas em Goma e forçou 350 mil pessoas a deixar a área.

Por isso, as Nações Unidas e a União Europeia estão a ajudar a aumentar a capacidade técnica e científica dos pesquisadores locais. A expedição da ONU foi realizada com a Universidade Segunda de Nápoles e com o Observatório Vulcânico de Goma.

A equipa recolheu amostras de pedras e de gás, que devem ser analisadas na Itália.

*Apresentação: Eleutério Guevane.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud