Todos os dias, 18 mil crianças morrem antes de completarem 5 anos

31 janeiro 2014

Relatório publicado esta quinta-feira pelo Fundo da ONU para a Infância, Unicef, revela que desde a aprovação da Convenção sobre Direitos da Criança, o mundo tem avançado, apesar de vários desafios.

A mortalidade infantil e as doenças contagiosas são os aspetos mais preocupantes. No ranking dos países com piores índices de mortalidade estão Angola e Guiné-Bissau.

O Brasil conseguiu diminuir a mortalidade infantil em 80%, desde 1990.

Acompanhe a reportagem de Mônica Villela Grayley da Rádio ONU em Nova York, para o Jornal Globo News.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud