Violência no Sudão do Sul já deixou mais de 121 mil desalojados

27 dezembro 2013

O Escritório das Nações Unidas para a Assistência Humanitária, Ocha, afirmou que o número de refugiados nas bases da ONU no Sudão do Sul aumentou para 63 mil.

Segundo a Missão das Nações Unidas no país, Unmiss, a situação da segurança é tensa nos Estados Unity e Upper Nile.

O Departamento de Operações de Paz da ONU está trabalhando com outras missões de paz na região para trasferir rapidamente tropas e equipamentos para o Sudão do Sul.

A notícia coincide com a realização de uma reunião sobre o conflito sul-sudanês, que junta líderes regionais do bloco de oito países da África Ocidental, Igad, em Nairobi, capital do Quênia.

Acompanhe a reportagem de Edgard Júnior, da Rádio ONU, para o Jornal Globo News.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud