Para Ban, resolver desafios sociais está no centro da solidariedade
BR

20 dezembro 2013

Secretário-Geral da ONU destaca Objetivos de Desenvolvimento do Milênio em sua mensagem sobre o Dia Internacional da Solidariedade Humana, celebrado neste 20 de dezembro.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

O caminho final para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio ganha destaque em uma mensagem do Secretário-Geral da ONU sobre o Dia Internacional da Solidariedade Humana.

A data é celebrada esta sexta-feira, 20 de dezembro, com Ban Ki-moon afirmando que todos têm o papel de superar os desafios econômicos, políticos, ambientais e sociais.

Lacunas

Ban lembra que na virada do milênio, os líderes mundiais reafirmaram seu compromisso com a paz, segurança e direitos humanos. O conjunto de oito metas para erradicação da pobreza extrema, da fome, para promoção da saúde e do meio ambiente ficou conhecido como Metas do Milênio.

Os objetivos precisam ser cumpridos até o final de 2015, e por isso Ban aproveita o Dia da Solidariedade Humana para lembrar que algumas lacunas ainda precisam ser preenchidas.

Essência

Segundo o Secretário-Geral, é necessário compartilhar os custos e benefícios do desenvolvimento sustentável, que para ele, é a “essência da justiça e da igualdade, e portanto, “o sentido da solidariedade”.

No Dia Internacional, Ban Ki-moon faz um apelo aos povos de “todas as nações, fés, culturas e tradições”, para que trabalhem em conjunto e cumpram a promessa feita na virada do milênio.

O Secretário-Geral pede um “legado de paz, prosperidade e progressos sustentáveis para as gerações futuras”.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud