Exclusiva: Antonio Patriota

18 dezembro 2013

O embaixador do Brasil nas Nações Unidas falou à Rádio ONU sobre as prioridades do país e agenda de 2014 na organização.

Para Antonio Patriota, o Brasil continuará defendendo a reforma do Conselho de Segurança, a formatação da agenda de desenvolvimento sustentável com base nos acordos da Rio + 20 e a promoção dos direitos humanos.

O embaixador e ex-ministro das Relações Exteriores lembrou o discurso da presidente Dilma Rousseff, em setembro na Assembleia Geral, sobre o tema da privacidade na era digital. A proposta deu início a um debate global contra a vigilância e coleta de dados em massa.

Nesta quarta-feira, a Assembleia irá votar a resolução sobre a privacidade na era digital apresentada por Brasil e  Alemanha. A inciativa foi co-patrocinada por 55 países na ONU.

Patriota lembrou ainda a cooperação com a África e a identificação do Brasil com o continente, que abriga também cinco nações de língua portuguesa.

Ele contou à Rádio ONU que irá à Guiné-Bissau em meados de janeiro na qualidade de presidente da estratégia de configuração da paz para o país africano. A viagem contará ainda com outros integrantes da Missão de Consolidação da Paz, PBC (na sigla em inglês).

Acompanhe a conversa com Mônica Villela Grayley.

Duração: 20:53"

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud