Economia da Tanzânia deve crescer 7% nos próximos dois anos

16 dezembro 2013

Previsão do Banco Mundial foi divulgada na atualização do Relatório Econômico sobre o país africano; 12 milhões vivem na pobreza no país.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

O Produto Interno Bruto da Tanzânia deve crescer numa média de 7% em 2014 e 2015. A estimativa consta do relatório do Banco Mundial sobre o país africano que analisa a erradicação da pobreza na Tanzânia.

De acordo com os especialistas, a inflação também deve estabilizar-se em torno dos cinco por cento. Algumas das razões são a queda no preço dos alimentos e as políticas fiscais e monetárias do governo tanzaniano.

Indústrias

Os economistas do Banco Mundial afirmaram que o crescimento no país africano está a ser puxado pelo número de indústrias localizadas em cidades, assim como as redes de comunicação, transporte e construção, entre outros fatores.

O aumento da produtividade no setor agrícola tem ajudado a criar mais vagas fora das herdades também.

Mas de acordo com o órgão internacional, esta estratégia sozinha não é suficiente para tirar todos os tanzanianos da pobreza.

Ação Social

O relatório do Banco Mundial destacou o sucesso de programas de transferência de renda á volta do mundo incluindo um programa piloto implementado pelo Fundo de Ação Social da Tanzânia.

Geralmente, o dinheiro recebido pelos país é gasto na compra de alimentos, em educação e saúde para as crianças.

Dados oficiais revelam que 12 milhões de tanzanianos ainda vivem na pobreza.

Cerca de 30% deste total estão em situação de extrema pobreza.

*Apresentação: Denise Costa.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud