Pela primeira vez, grupo da ONU sobre afrodescendentes visita Brasil
BR

2 dezembro 2013

Equipe fica no país entre os dias 3 e 13 de dezembro, para examinar várias questões sobre os direitos humanos das pessoas com ascendência africana; especialistas irão a terreiros e favelas.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

O Grupo de Trabalho de Especialistas da ONU sobre Afrodescendentes visita pela primeira vez o Brasil esta semana. A equipe chega ao país esta terça-feira, dia 3 e fica até dia 13.

A meta é examinar uma série de questões relacionadas aos direitos humanos dos povos com ascendência africana. A especialista Mireille France, que faz parte da delegação, diz que o Brasil fez muitos progressos na promoção da igualdade.

Obrigações

Mas segundo ela, o país ainda enfrenta vários desafios ligados à consequência da escravidão, do tráfico de escravos e do colonialismo. A missão também vai checar se o governo está cumprindo suas obrigações em relação aos direitos dos afrodescendentes.

O grupo da ONU faz a visita a convite do próprio governo brasileiro. A equipe passará por Brasília, Recife, Salvador, São Paulo e Rio de Janeiro.

Acesso

Nas cidades, os especialistas terão encontros com representantes da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, de ONGs e comunidades de afrodescendentes, incluindo grupos religiosos. O grupo também fará visitas a comunidades quilombolas, terreiros e favelas.

A missão da ONU vai prestar atenção especial a questões relacionadas à pobreza, estigma, desigualdade, acesso à saúde, educação e justiça e participação no processo político.

Os especialistas também vão avaliar atos de racismo, xenofobia e discriminação de afrodescendentes no Brasil.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud