Bolsa nigeriana junta-se a oito operadores do setor em iniciativa da ONU

1 novembro 2013

NSE é terceira da área no continente associada às Bolsas de Valores Sustentáveis; parceria foi lançada pelo Secretário-Geral há quatro anos.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A Bolsa de Valores da Nigéria é a mais nova integrante da iniciativa global que congrega instituições do ramo, com o apoio das Nações Unidas. O objetivo é promover um investimento responsável.

O anúncio foi feito pela Conferência da ONU sobre Comércio e Desenvolvimento, Unctad, que prevê que a parceria promova um investimento sustentável a longo prazo. O Pacto Global e o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente também apoiam a parceria.

Mercado

Com a adesão, a NSE torna-se a terceira do setor no continente e a oitava do mundo a juntar-se às Bolsas de Valores Sustentáveis, que também agregam administradoras de mercado de Joanesburgo na África do Sul, e do Egito.

A Unctad destaca o facto de a Nigéria ser a segunda maior economia africana, além de constituir um mercado “extremamente importante para promover práticas de desenvolvimento sustentável na região.”

Investidores

A iniciativa explora como as bolsas de valores podem trabalhar com investidores, reguladores e empresas com vista a melhorar a transparência corporativa.

As ações cobrem também o desempenho do setor em questões de governação ambiental, social e empresarial que possam incentivar abordagens responsáveis para o investimento a longo prazo.

A iniciativa Bolsas de Valores Sustentáveis foi lançada pelo Secretário-Geral da ONU em 2009. Num evento especial realizado em julho, em Nova Iorque, Ban Ki-moon pediu que mais instituições do ramo entrem no grupo.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud