Nações Unidas condenam ataque que matou mais de 40 no Iraque
BR

3 julho 2013

Missão da ONU no país diz que atentados terroristas e outros atos de violência já mataram 760 pessoas somente no mês de junho; autores estão alvejando locais de grande concentração como cafés e campos de futebol.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

As Nações Unidas condenaram, de forma veemente, uma série de ataques, ocorrida na terça-feira, no Iraque.

Segundo agências de notícias, pelo menos 40 pessoas morreram nos atentados contra áreas comerciais de xiitas. Somente em Bagdá, capital do país, nove pessoas perderam a vida na explosão de carros-bomba.

Duas Semanas

O representante do Secretário-Geral no Iraque, Martin Kobler contou que há duas semanas, o número de ataques contra cafés, campos de futebol e outros locais de grande concentração de pessoas, tem aumentando.

A Missão da ONU no país, Unami, informou que 761 pessoas morreram em atos de terrorismo e violência no mês de junho. Mais de 1,7 mil ficaram feridas.

Kobler pediu às autoridades iraquianas que tomem medidas para proteger os civis e que evitem mais derramamento de sangue no país.

*Apresentação: Mônica Villela Grayley.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud