Embaixadora diz que língua comum facilita cooperação
BR

21 maio 2013

Em entrevista à Rádio ONU, representante do Brasil na organização afirma que o português favorece intercâmbio de estudantes estrangeiros em universidades do país, por exemplo; ela também destaca maior colaboração em setores de agricultura e saúde entre nações que falam o idioma.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Brasil afirmou que as experiências do país nas áreas de políticas sociais e redução da pobreza têm chamado a atenção de outras nações na ONU, e criado uma demanda por maior cooperação e intercâmbio.

A opinião é da embaixadora do Brasil na organização, Maria Luiza Ribeiro Viotti. Nesta entrevista à Rádio ONU ao se despedir do posto, a diplomata lembrou que o Brasil tem desenvolvido “novos mecanismos de cooperação” como o Ibas, o grupo formado também por Índia e África do Sul. O objetivo é financiar projetos de auxílio a outras nações em desenvolvimento, em vários continentes.

Mesma Cultura

Segundo ela, o fato de ter um idioma comum representa uma vantagem na cooperação com países de língua portuguesa na África e na Ásia.

“Nós temos procurado também auxiliar, na medida do possível, os países de língua portuguesa porque compartilhamos da mesma cultura, da mesma língua. E é possivel, então, favorecer o intercâmbio de estudantes, formação universitária no Brasil, a capacitação de professores, intercâmbio em várias outras atividades agricultura, educação, saúde. São áreas em que temos procurado promover uma cooperação que tem sido bastante bem-sucedida.”

Maria Luiza Ribeiro Viotti também ressaltou a participação do Brasil na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, Cplp, fundada em 1996.

A embaixadora concedeu uma entrevista de balanço do mandato dela como chefe da Missão brasileira junto às Nações Unidas. Quase seis anos após se tornar a primeira mulher a comandar a Missão, ela está deixando o cargo para assumir a Embaixada do Brasil na Alemanha.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud