Conselho de Segurança condena mortes devido a atentado em Bengazi

Conselho de Segurança condena mortes devido a atentado em Bengazi

Órgão condena atos de terrorismo e manifesta apoio ao país com vista ao sucesso da transição; agências noticiosas dizem que atentado foi causado por um carro armadilhado.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Conselho de Segurança condenou nos termos mais fortes o ataque ocorrido, esta segunda-feira, na cidade líbia de Bengazi, que resultou na perda de vidas e em vários feridos.

De acordo com agências noticiosas, o atentado foi causado por um carro armadilhado e ainda não foi reivindicado.

Atentados

Segundo as agências, relatos iniciais apontavam para nove mortos. Mas citando fontes hospitalares, estas indicaram a existência de mais três corpos devido à explosão aliada a uma série de atentados dos últimos dias.

Em nota, os membros do Conselho de Segurança enviam pêsames às famílias das vítimas, ao Governo e ao povo líbio e sublinham a necessidade de levar os autores do ataque à justiça.

Cooperação

Nesse sentido, o órgão exorta à cooperação dos Estados de acordo com suas obrigações sob o Direito Internacional e as resoluções do Conselho de Segurança.

Os países-membros reafirmam que o terrorismo em todas as suas formas e manifestações, constitui uma das mais graves ameaças à paz e à segurança internacionais.

Transição

Os atos similares são considerados “criminosos e injustificáveis, independentemente da sua motivação”, refere a nota.

Em nome da comunidade internacional, o Conselho manifesta apoio ao país com vista ao sucesso da transição rumo a uma democracia segura, pacífica e próspera.