Em vídeo, Antonio Banderas pede fim da violência de gênero
BR

8 março 2013

Ator lançou apelo global para marcar Dia Internacional da Mulher; espanhol é embaixador da Boa Vontade do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O ator Antonio Banderas lançou um vídeo neste 8 de março para pedir o fim da violência a mulheres em todo o mundo.

Falando em inglês, Antonio Banderas contou que até 60% das mulheres são vítimas de alguma forma de violência física ou sexual durante a vida. No vídeo, o ator espanhol lança um apelo global para acabar com as agressões a mulheres.

O ator lembrou ainda que 2 milhões de meninas e mulheres são traficadas, anualmente, para prostituição, trabalho forçado e escravidão. Banderas disse que muitos dos ataques são praticados contra meninas menores de 16 anos.

Além disso, mulheres jovens são submetidas a mutilações genitais, casamentos forçados e ao HIV. Para o ator, esta é uma situação inaceitável e que deve acabar imediatamente.

Antonio Banderas é um dos embaixadores da Boa Vontade do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud, que publicou o vídeo em sua página na internet.

Além do ator, o Pnud conta ainda com mais embaixadores como o goleiro campeão do mundo Iker Casillas, a tenista Maria Sharapova, os ex-jogadores de futebol Ronaldo e Zinédine Zidane, além da jogadora Marta Vieira da Silva entre outros.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud