Unicef anuncia aumento de operações humanitárias na Síria BR

Unicef anuncia aumento de operações humanitárias na Síria

Fundo lembra que metade dos carentes de ajuda de emergência na Síria são crianças; ainda nesta terça, Genebra abriga o Sétimo Fórum Humanitário para o país.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, informou que vai aumentar a ajuda humanitária para os sírios apesar da violência no país.

O Unicef lembrou que metade dos sírios que precisam de ajuda de emergência são crianças.

Confrontos

Segundo o Fundo, muitos deslocados pelos confrontos vivem em abrigos coletivos, com poucos recursos. Os suprimentos entregues são cobertores, roupas, kits de higiene, lençois de plástico e biscoitos energéticos.

Ainda nesta terça-feira, representantes de agências internacionais se reuniram em Genebra para o Sétimo Fórum Humanitário sobre a Síria. O porta-voz do Escritório de Assistência Humanitária, Ocha, Jens Laerke, disse que apesar do auxílio prestado este mês, a situação piorou.

Dificuldades

De acordo com o porta-voz, cerca de 65 mil pessoas foram atendidas nas cidades de Alepo, Homs e Idlib desde o início do mês. Mas há dificuldades de acesso.

A ONU estima que 70 mil pessoas foram mortas no conflito, que deve completar dois anos em março. Nos últimos oito meses, o número de carentes quadruplicou.  Mais de metade dos hospitais públicos do país foram danificados e vários dos que estão abertos precisam de antibióticos e analgésicos.