Grã-Bretanha vai doar US$ 16 milhões para prevenção de desastres no Haiti
BR

14 janeiro 2013

Quantia foi anunciada no sábado, quando completou três anos do terremoto que afetou o país; dinheiro deve ser usado para melhorar infraestrutura.

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Haiti deverá receber o equivalente a US$ 16 milhões para investir em obras de infraestrutura resistentes a desastres naturais.

A quantia, pouco mais de R$ 32 milhões, foi doada pela Grã-Bretanha, no sábado, quando fez três anos do terremoto que afetou o país em 12 de janeiro de 2010.

Riscos

A verba será entregue ao Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Pnud, que deverá assistir o governo haitiano na resposta a várias ações, entre elas, o reassentamento dos desabrigados.

Desde o terremoto, mais de 1 milhão de haitianos voltaram à casa, mas 350 mil continuam vivendo em acampamentos temporários.

A doação britânica também deve ajudar a estimular o setor privado em ações de gerenciamento de riscos de desastres. Os outros projetos são concessão de microcréditos para mulheres empresárias e combate à insegurança alimentar com incentivos para pequenos agricultores.

Sandy

Segundo o Pnud, o objetivo é preparar o governo para responder em casos de novas tragédias naturais.

A verba foi viabilizada pelo Departamento de Desenvolvimento Internacional britânico. Segundo uma porta-voz da entidade, apesar da mobilização da comunidade internacional para ajudar o Haiti, o país contuinua carente de recursos, especialmente após a passagem do furacão Sandy, no fim do ano passado, pela ilha.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud