Unicef destaca papel de estrelas do NBA para combater a pólio no Quénia

7 janeiro 2013

Nick Collison e Dickembe Mutombo juntaram-se à campanha casa em casa para vacinar menores do distrito de Turkana, no norte do país africano.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Fundo da ONU para a Infância, Unicef, destacou a participação de estrelas da Liga profissional de basquetebol norte-americano, NBA, na campanha contra a poliomielite como uma das medidas de apoio à criança no Quénia.

O congolês Dickembe Mutombo, dos Houston Rockets, e o norte-americano Nick Collison, do Oklahoma City Thunder, juntaram-se à campanha casa em casa para vacinar menores do distrito de Turkana, no norte do país africano.

Erradicação

Collinson disse “ter pensado em crianças com que esteve em contacto, e como poderiam viver por mais tempo” ao participar na iniciativa, que levou os jogadores a receber informação sobre a erradicação da doença.

Por seu turno, Mutombo, vacinou e marcou casas por onde imunizou menores quenianos, como parte da iniciativa.

Além de envolver o Unicef, a Parceria Global para a Erradicação da Pólio envolve também a Organização Mundial da Saúde, a Roraty Internacional e O Centro norte-americano de Prevenção e Controlo de Doenças.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud