Relator diz que participação da sociedade civil na internet é fundamental
BR

21 dezembro 2012

Em comunicado, Frank la Rue, disse que qualquer discussão sobre regulação da plataforma deve se concentrar nos ditames dos direitos humanos. 

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

Um relator independente das Nações Unidas defendeu a participação da sociedade civil em discussões sobre o futuro da internet.

Frank la Rue, relator sobre o direito de opinião e expressão emitiu um comunicado, nesta quarta-feira, dizendo que a voz  da sociedade é fundamental para assegurar a legitimidade de qualquer debate sobre o tema.

Rede Mundial

Ele fez a declaração após a Conferência Mundial sobre Telecomunicações Internacionais, encerrada na semana passada, em Dubai.

La Rue disse que quando o assunto é internet, nenhuma decisão pode ser tomada de forma unilateral. Para o relator, qualquer debate sobre a governança da rede mundial de computadores tem que incluir representantes de outras organizações internacionais, entidades de direitos humanos e membros do setor privado, servidores de internet e ONGs.

Para ele, discussões sobre o futuro da rede devem tomar como base os ditames dos direitos humanos. Frank la Rue encerrou o comunicado dizendo que a internet expande a capacidade das pessoas de exercerem a liberdade de expressão e outros direitos. E adicionou que a plataforma tem sido fundamental, nas últimas duas décadas, para aumentar o acesso à informação sobre sérias violações de direitos humanos além de dar voz a milhões de pessoas que, sem a rede mundial, estariam totalmente invisíveis.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud