OMS anuncia campanha de vacinação para conter febre-amarela em Darfur

7 dezembro 2012

Agência indica que o maior surto surto de sempre na região já causou pelo menos 165 mortos; maioria dos casos ocorre em comunidades nómadas.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A Organização Mundial de Saúde, OMS, anunciou uma campanha de vacinação para controlar o surto de febre-amarela que eclodiu na região sudanesa de Darfur. A segunda fase deve abranger 1,2 milhões de pessoas a partir da segunda-feira.

Para a agência, a maior epidemia de sempre já causou cerca de 165 mortos e mais de 700 infetados. A OMS refere  que a maioria dos casos ocorre em comunidades nómadas, o que justifica o alastramento da epidemia na região.

Fases

A campanha de emergência abrange 5,5 milhões de pessoas e é composta por três fases, referiu o representante da agência da ONU no Sudão, Anshu Banerjee.

Segundo advertiu, a distância das áreas remotas afetadas pela doença deve tornar a campanha mais difícil.

O vetor da doença é o mosquito e a vacinação é tida como a medida mais eficaz para prevenir a febre-amarela.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud