Entrevista: Díli pede fim da Missão da ONU em Timor-Leste

12 novembro 2012

É tempo para que a missão da ONU se retire do país, por este ter atingido a paz e estabilidade, defende o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros de Timor-Leste.

Antes de abordar o Conselho Segurança, José Luis Guterres contou à Rádio ONU o sucesso das eleições e a situação das fronteiras justificam que a ONU dê maior atenção a nações “onde é necessária.”

Nesta entrevista, concedida em Nova Iorque, é igualmente referido o futuro da organização no país de língua portuguesa.

A recente visita de representantes do Conselho de Segurança ao país é tema da conversa, onde o governante evidencia “apoios inesquecíveis recebidos deste a fase de luta de libertação e o período que se seguiu à reconquista da independência há 10 anos.”

Os esforços com vista a tornar a manter a questão timorense na agenda do Conselho de Segurança durante décadas, é referida ao lado de mudanças na política de vários países que vieram a determinar o referendo apoiado pela ONU.

Acompanhe a entrevista à Rádio ONU.

Tempo Total: 13'18".

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud