Entrevista: Jennifer Topping

4 outubro 2012

A representante das Nações Unidas em Moçambique compara os 20 anos de período de paz no país ao “sucesso de um casamento”.

Em entrevista à Rádio ONU, de Maputo, Jennifer Topping defende que os fatores determinantes da duração do relacionamento entre as partes têm sido o “diálogo, a comunicação e a confiança”, após assinatura dos Acordos de Paz, em 1992.

A representante aborda o desempenho das Nações Unidas em Moçambique desde a independência do país em 1975 à assinatura do pacto entre o governo e os antigos rebeldes na capital italiana, Roma.

O cooperação internacional teve maior foco “na ação humanitária, no papel da Missão das Nações Unidas e na reintegração” dos ex-beligerantes. Topping defende que os novos desafios são “baseados no sucesso e estabilização”.

Acompanhe a entrevista a Eleutério Guevane

Tempo total: 4’16”.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud