Cerca de 1 bilhão de pessoas mandam dinheiro pelos correios
BR

3 outubro 2012

Estudo da ONU diz que Brasil, China, Marrocos, Tunísia e Namíbia estão na lista dos países que podem registrar crescimento de remessas no futuro.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

A União Postal Universal, UPU, informou que o papel dos correios no envio de remessas financeiras está crescendo em todo o mundo.

No momento, cerca de 1 bilhão de pessoas enviam dinheiro utilizando os serviços postais.

Transferências

O estudo da UPU revela que a atividade deverá crescer ainda mais, no futuro, em 10 países. No topo da lista está Marrocos seguido por Tunísia, Namíbia. A lista inclui ainda Brasil e China.

Os correios tem 660 mil agências espalhadas pelo mundo e nas mais remotas áreas. Em 2010, havia 1,6 bilhão de contas de poupanças e depósitos abertas.

Mas no futuro, existe a possibilidade de que outros centenas de milhões de pessoas venham a fazer transferências nacionais e internacionais em dinheiro e que paguem contas, mesmo que não sejam clientes regulares da rede postal.

Os novos dados sobre o potencial de crescimento dos correios no envio de remessas foram apresentados no 25 º Congresso Postal Universal, que ocorre na capital do Catar, Doha, até 15 de outubro.

*Apresentação: Mônica Villela Grayley.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud