França lidera campanha para o fim universal da pena de morte
BR

27 setembro 2012

Em evento paralelo aos debates da Assembleia Geral, ministro Laurent Fabius encoraja outras nações a abolir prática; país vai lançar campanha no dia 9 de outubro.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

 A França organizou nesta quinta-feira, na sede da ONU, em Nova York, uma reunião de alto nível sobre a pena de morte. O ministro francês das Relações Exteriores, Laurent Fabius, afirmou que é prioridade dele a abolição universal da prática.

No debate, paralelo à Assembleia Geral, o Benin compartilhou sua experiência sobre o fim da pena de morte. O país africano foi o mais recente a ratificar um protocolo internacional que apela para a abolição.

Campanha

Segundo a Missão da França nas Nações Unidas, o encontro com o ministro francês buscou encorajar o maior número possível de Estados para que “coloquem um fim definitivo a uma prática cruel e desumana”.

A França vai lançar oficialmente em 9 de outubro uma campanha pela abolição universal da pena de morte. A proposta é aumentar a conscientização e ocorre antes de várias reuniões importantes sobre o tema, incluindo uma votação na Assembleia Geral da ONU, que deve acontecer nos próximos meses.

Segundo o governo francês, nos últimos 20 anos, 50 países proibiram a pena de morte. A França reafirmou ainda sua determinação e total oposição à prática sob qualquer circunstância.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud