Ban lança iniciativa de US$ 1,5 bilhão para atingir educação universal
BR

26 setembro 2012

Projeto “Educação em Primeiro Lugar” tem como prioridades melhorar a qualidade do ensino e colocar todas as crianças na escola; ministro Aloizio Mercadante participou de painel sobre o programa.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, anunciou nesta quarta-feira uma iniciativa de US$ 1,5 bilhão, mais de R$ 3 bilhões, para melhorar o acesso e a qualidade da educação.

No lançamento do projeto “Educação em Primeiro Lugar”, na sede da ONU, em Nova York, Ban pediu aos líderes mundiais que apoiem professores, comunidades e famílias.

Prioridades

Segundo Ban Ki-moon, a educação é um “bloco de construção de toda sociedade e um caminho para o fim da pobreza”. Para o Secretário-Geral, “mais educação siginifica menos fome, mais saúde e mais força na luta contra o HIV”.

Os recursos para a iniciativa foram mobilizados por países, empresas e fundações. O projeto “Educação em Primeiro Lugar” vai focar em três prioridades nos próximos cinco anos: colocar todas as crianças nas escolas, melhorar a qualidade do ensino e promover cidadania global.

Desenvolvimento

O Timor-Leste, a Austrália, a África do Sul e o Brasil estão entre as nações que se comprometeram em apoiar o programa. O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, discursou no lançamento da iniciativa.

Falando em espanhol, Mercadante ressaltou que a “forma mais perversa de pobreza é a pobreza de conhecimento, que impede o processo de desenvolvimento econômico e social, compromete a construção de uma cidadania plena e da perspectiva de futuro dos povos”.

Metas do Milênio

A diretora-geral da Unesco, Irina Bokova e o enviado especial do Secretário-Geral para Educação, o ex-premiê britânico Gordon Brown, participaram do painel sobre o projeto.

Acesso universal à educação é uma das oito Metas de Desenvolvimento do Milênio, que devem ser cumpridas pelas nações até 2015. Segundo a Unesco, 61 milhões de crianças em idade escolar estão fora das salas de aula.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud