Unesco apoia construção do primeiro museu do Sudão do Sul

Unesco apoia construção do primeiro museu do Sudão do Sul

Unesco diz esperar que projeto seja reflexo da construção da identidade nacional; autoridades  locais prevêm exibições interativas e uma forte presença nas redes sociais.

Camilo Malheiros Freire, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Um grupo de especialistas visita até este sábado a capital sul-sudanesa, Juba, para assessorar as autoridades no projeto de construção do primeiro museu do país.

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, apoia a iniciativa que também envolve o Ministério da Cultura do Sudão e o British Council, entidade promotora da cultura do Reino Unido.

História

A Unesco refere que o museu visa contar a história dos povos do mais novo país do mundo, que declarou independência há um ano.

O processo deve envolver um planeamento meticuloso para fazer reflitir a realidade cultural do país, pelo facto de não estarem disponíveis objetos tradicionalmente associados a museus.

Multiculturalismo

O governo do Sudão do Sul disse estar  a trabalhar para que a diversidade dos povos locais seja respeitada, um elemento considerado essencial para paz a estabilidade social.

O grupo espera ainda que o local faça parte da própria construção da identidade nacional, tida pela Unesco como base para a paz e o desenvolvimento sustentável no país.

Interatividade

Espera-se que o futuro Museu Nacional do Sudão do Sul ilustre estórias para o ensino através de objetos, obras de artesanato, gravações, imagens de vídeo, e outras expressões culturais.

O governo também pretende envolver refugiados e sudaneses do sul que tiveram que deixar o país nas mais de duas décadas de conflito.Os planos incluem exibições interativas e uma forte presença nas redes sociais.

O objetivo é que o povo, e principalmente os  jovens, tenha um espaço para interagir com as estórias do passado, descobrir as complexidades de sua história e esteja assim melhor equipado para construir um futuro unido.

*Apresentação: Eleutério Guevane.