Fim de disputas internacionais será foco da 67ª Assembleia Geral
BR

18 setembro 2012

Na abertura da sessão, nesta terça-feira, presidente do órgão destaca importância de resolver conflitos usando fins pacíficos; sérvio Vuk Jeremić afirma que luta contra terrorismo será prioridade na agenda.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

 Foi aberta nesta terça-feira, em Nova York, a 67ª Assembleia Geral das Nações Unidas. O tema principal durante os próximos 12 meses será a resolução de conflitos internacionais por fins pacíficos. O anúncio foi feito pelo presidente do órgão, o sérvioVuk Jeremić.

Em seu discurso de abertura, Jeremić disse esperar que a agenda do órgão seja útil à nobre causa da prevenção de conflitos e da resolução de crises já existentes.

Metas do Milênio

O presidente da Assembleia Geral afirmou ainda “que a luta contra o terrorismo deve continuar a ter prioridade” para o órgão. Ele defendeu mais esforços para um esboço da convenção sobre terrorismo internacional.

Segundo Jeremić, no próximo ano, a Assembleia Geral deverá trabalhar por uma agenda pós-2015, ano para o cumprimento das Metas de Desenvolvimento do Milênio.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, também discursou na abertura da 67ª sessão.

Na próxima terça-feira, começam os debates de alto nível, com a presença de chefes de Estado e de governo, incluindo a presidente brasileira Dilma Rousseff.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud