Mais um funcionário da Unrwa é assassinado na Síria
BR

10 setembro 2012

Jovem de 28 anos foi morto enquanto tomava um ônibus em direção ao trabalho; crime ocorreu próximo ao distrito de Yarmouk, onde vivem 150 mil refugiados palestinos.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

Um funcionário da Agência da ONU de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa, foi assassinado neste domingo na Síria. O jovem, de 28 anos, foi morto enquanto ia pegar um ônibus em direção ao trabalho. O domingo é o primeiro dia útil da semana na região.

O crime ocorreu próximo à área residencial de Yarmouk, onde vivem cerca de 1 milhão de sírios e 150 mil refugiados palestinos. A vítima levou um tiro no peito, mas ainda não se sabe se ele foi alvo de um atirador ou de uma bala perdida.

Ameaças

Esta é a segunda morte recente de um funcionário da Unrwa no bairro sírio. Na quinta-feira, outro integrante da agência e o filho dele morreram durante um bombardeio.

A Unrwa tem expressado sua preocupação com as ameaças impostas pelo conflito na Síria à segurança dos refugiados palestinos e de seus funcionários em todo o país.

Proteção

Em nota, a agência “repudiou a trágica perda de vida e expressou sua visão de que as ameaças ao povo palestino e outros civis podem ser evitadas.”

A Unrwa diz ter informado às autoridades síria das mortes e afirma que irá reiterar seu pedido que seja garantida a proteção aos efeitos do conflito armado.

 

♦ Receba atualizações diretamente no seu email - Assine aqui a newsletter da ONU News
♦ Baixe o aplicativo/aplicação para - iOS ou Android
♦ Siga-nos no Twitter! Assista aos vídeos no Youtube e ouça a rádio no Soundcloud